A Associação Cultural e o Município de Velas apresentaram, esta sexta-feira, o cartaz da 31ª Semana Cultural de Velas, que se realizará entre 5 e 8 de julho, destacando-se os nomes dos artistas nacionais Dengaz, DAMA e Ana Bacalhau, sendo as festas dedicadas à temática “Cultura com Sabor”.
Mário José Soares, da organização das principais festividades do Concelho, salienta que o tema das festas visa “destacar os sabores do nosso Concelho que fazem parte da Cultura da Nossa Terra”, frisando que a intenção é “que o Concelho de Velas seja dinâmico e inovador, conjugando aquelas que são as Nossas Tradições e Costumes com o desenvolvimento e sustentabilidade que todos pretendemos”.
Ao longo destes 31 anos, a Semana Cultural das Velas tem ganho cada vez maior relevância, enquanto Festival de Verão, no panorama cultural do arquipélago, principalmente no Grupo Central, onde se verifica uma cada vez maior circulação de pessoas entre ilhas.
“Como sempre pretendemos que a Semana Cultural seja adequada a todas as faixas etárias, que sirva de estímulo às Nossas Instituições e que dinamize a economia local. Para além disso, queremos que a população Jorgense, bem como quem nos visita, participe na festa e que todos juntos nos possamos divertir e partilhar do melhor que o Nosso Concelho tem para oferecer”, disse Mário Soares em conferência de imprensa.
“Dentro dos recursos disponíveis, a organização da Festa estruturou um programa que dignificará o evento, pensando sempre nas Nossas Instituições e grupos locais. Iremos também trazer às Velas artistas nacionais de renome que contribuirão, certamente, para o sucesso deste Festival. São eles: os DENGAZ, que irão atuar na sexta-feira; os D.A.M.A., que atuarão no sábado e Ana Bacalhau, vocalista do conhecido grupo Deolinda, que atuará no último dia de festa”, revelou a organização.
Como Festival de Verão que se preza a Semana Cultural de Velas voltará a apostar na realização da Tenda Eletrónica, que “vem complementar o período noturno do Programa, tornando assim a Semana Cultural mais aliciante para a juventude e não só”.
O apoio às instituições concelhias é mais uma vez palavra de ordem no seio da organização do certame, pelo que, disse Mário José Soares, “iremos envidar esforços no sentido de apoiar as Instituições do Nosso Concelho, cedendo espaços a título gratuito para que possam angariar fundos por forma a contribuir para o desenvolvimento do seu Plano de Atividades. Entendemos que a Associação Cultural deverá manter uma relação de proximidade, dando-lhes todo o apoio possível, bem como solicitando a participação destas, com diversas atividades no programa”.
Por outro lado, acrescentou, do cartaz geral da Semana Cultural de Velas incluirá ainda “atividades tauromáquicas, nomeadamente na disponibilização de apoio à realização da Tourada de Praça”, assim como “o Festival de Folclore, Atividades Desportivas, Dança, Animação Infantil, Desfile de Marchas Populares, contando como é habitual com a presença da Nossa Marcha Oficial, de Marchas de São Jorge e de outras ilhas”. Repetente nas festividades será o Quiosque do Triângulo, que, segundo a organização, “tem permitido promover os produtos de excelência das três Ilhas do Triângulo (São Jorge, Pico e Faial) e que se tem revelado um enorme sucesso”.
Por fim, Mário José Soares referiu e agradeceu o apoio das empresas locais, nomeadamente ao nível do patrocínio ao evento, “sendo estes determinantes para a realização do mesmo, o qual promove, em muito, o desenvolvimento do Concelho e da economia local”.

 

31.ª SEMANA CULTURAL: DENGAZ, DAMA E ANA BACALHAU NAS VELAS DE 5 A 8 DE JULHO